O 'Life Rupis – Conservação do britango e da águia-perdigueira no vale do rio Douro’ (LIFE14 NAT/PT/000855) é um projeto de conservação transfronteiriço, com a duração de 4 anos (2015 – 2019), cofinanciado através do programa LIFE da Comissão Europeia.

O projeto, que decorre em território português e espanhol, mais concretamente nas áreas protegidas do Douro Internacional e Vale do Rio Águeda e dos Arribes del Duero, pretende implementar ações que visam reforçar as populações de britango e águia-perdigueira nesta região, através da redução da sua mortalidade e do aumento do seu sucesso reprodutor. O abutre-preto e o milhafre-real são espécies que também irão beneficiar das ações do projeto.




EM DESTAQUE 
II Festival ObservArribas | Miranda do Douro, 25 a 27 de maio 2018

> Conheça o programa e inscreva-se online até 18 de maio. 
> Concurso de Ilustração no âmbito dos 20 anos do Parque Natural do Douro Internacional. Submissão de trabalhos até 25 de abril.
> Saiba mais em www.observarribas.com 




Britango Rupis reaparece no Douro!
2018-04-17
Rupis foi o primeiro britango do LIFE Rupis a ser equipado com um emissor GPS. No entanto, desde dez. 2017, que não tínhamos sinal do Rupis. Haveria algum problema com o emissor ou estaria morto? Rupis surpreendeu todos quando voltou a emitir, na semana passada,no Parque Natural de Arribes del Duero!
Correção de Linhas elétricas para redução da mortalidade de aves
2018-04-16
As linhas elétricas podem ser um importante fator de mortalidade de aves de rapina e em particular das espécies-alvo, como a águia-perdigueira. A minimização dos riscos de eletrocussão ou de colisão é uma das prioridades do projeto, nas áreas mais importantes para estas águias e para as rapinas planadoras.
Palestra sobre o combate ao uso de ilegal veneno no LIFE Rupis
2018-04-05
A SPEA vai apresentar alguns dados sobre o trabalho que tem sido feito em parceria com a GNR/SEPNA, e os parceiros do LIFE Rupis contra o uso ilegal de veneno, no âmbito do seminário “O papel da GNR na proteção do ambiente”, que se vai realizar no dia 10 de abril de 2018, no Auditório da Escola Superior de Educação de Bragança.